Jovem mata padrasto para defender a mãe em Marabá

Jovem mata padrasto para defender a mãe em Marabá

25/12/2018 0 Por Redação

O agressor, supostamente alcolizado, atacava a companheira na hora em que foi flagrado pelo enteado

Inconformado, um jovem matou o padrasto para defender a mãe na madrugada de segunda-feira (24) em Marabá. A vítima, supostamente alcoolizada, agredia a companheira, Sandra Albuquerque da Silva, quando foi flagrado pelo enteado. Hartenildo de Souza Aguiar, de 34 anos, morreu no local.

De acordo com a polícia, ele foi atingido por quatro golpes de faca. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando a equipe médica chegou, Hartenildo já havia morrido.

Uma irmã da vítima, que pediu para ter a identificação resguardada, informou ao Correio de Carajás que o casal brigava frequentemente e vivia de idas e vindas. “Eles viviam indo e voltando, ninguém sabe nem quanto tempo estavam juntos, brigavam direto. Tínhamos medo de acontecer alguma coisa”, comentou.

Maxuell de Souza Santos, de 23 anos, apresentou-se espontaneamente na 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil, onde foi autuado pelo homicídio. A Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar o caso.