Política de A–Z VII

Política de A–Z VII

18/01/2019 0 Por Redação

Prorrogadas

As inscrições para o concurso público da prefeitura de Marabá foram prorrogadas até o dia 21, próxima segunda-feira. São ofertadas 843 vagas em cargos de todos os níveis escolares. 24 de fevereiro é a data prevista para realização das provas. Das 843 vagas ofertadas, 274 são para cargos de nível escolar Fundamental, 266 são para Médio e 303 para o Superior. Os salários variam de R$ 954,00 a R$ 3.565,13. Alguns cargos oferecem gratificação por escolaridade.

Internado

O médico Fernando Augusto Fonseca Monteiro, 60, natural da terra de Francisco Coelho, está internado em um leito de UTI no Hospital Porto Dias, em Belém. Monteiro sofreu um infarto enquanto participava de um evento de atualização médica na capital.

Educação

Nas andanças do ex-vereador Ubirajara Sompré por Belém, o líder indígena se reuniu com Leila Freire, nova secretária de Educação, onde apresentou o catálogo Semana dos povos indígenas. “Por uma educação indígena de qualidade”, disse Ubirajara.

Tailândia

O prefeito de Tailândia, Paulo Jasper (DEM), é alvo de ação do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), que requereu à Justiça o bloqueio de R$ 260 mil das contas bancárias do gestor. A medida busca garantir que a Prefeitura de Tailândia nomeie os candidatos aprovados em concurso público para trabalhar no executivo municipal.

Maioridade penal

Pesquisa Datafolha aponta que 84% dos entrevistados dizem ser a favor da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos. Segundo o levantamento, 14% são contrários e 2% são indiferentes ou não opinaram. A alteração da idade mínima para que uma pessoa possa ser presa por um crime é alvo de projetos em tramitação no Congresso. Atualmente, infratores entre 12 e 18 anos vão para os sistemas de cumprimento de medida socioeducativa, geridos pelos governos estaduais.

Armas

O presidente Jair Bolsonaro assinou decreto que altera regras para facilitar a posse de armas de fogo, isto é, a possibilidade de o cidadão guardar o equipamento em sua residência ou estabelecimento comercial.

Compromisso

É a primeira medida do presidente em relação ao compromisso de campanha de flexibilizar o acesso da população em geral às armas. Entre as mudanças, foi ampliado o prazo de validade do registro de armas de 5 para 10 anos, tanto para civis quanto para militares.

Hermanos

O presidente Jair Bolsonaro recebeu o argentino Mauricio Macri em Brasília. Na pauta, Mercosul e Venezuela. Sobre o bloco (também formado por Paraguai e Uruguai), Bolsonaro afirmou que será preciso aperfeiçoá-lo. Ele disse que quer um Mercosul “enxuto”, com abertura comercial e menos burocracia, e relações “sem viés ideológico”. Macri, por sua vez, mirou no ditador da Venezuela, Nicolás Maduro. “É um ditador que tenta se perpetuar no poder com eleições fictícias”, afirmou.

Livre comércio

Durante as reuniões em Brasília, os governos do Brasil e da Argentina discutiram flexibilizar regra do Mercosul que proíbe os países do bloco de negociar individualmente acordos de livre comércio com outras nações. Paraguai e Uruguai já manifestaram apoio à medida no passado.

Caso Queiroz

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou suspender o procedimento que investiga as movimentações financeiras consideradas atípicas de Fabrício Queiroz, que trabalhou como motorista do senador eleito Flávio Bolsonaro, filho do presidente. O ministro atendeu a pedido do próprio parlamentar.

Carro-bomba

A explosão de um carro-bomba matou 10 pessoas e deixou 54 feridas em uma escola da polícia em Bogotá, na Colômbia. O autor do atentado foi identificado como José Aldemar Rojas Rodríguez, de 56 anos. Ele não tinha antecedentes criminais, e as autoridades investigam os motivos do ataque.

Bolívia

Quase um mês após o ex-presidente Michel Temer (MDB) assinar o decreto de extradição de Cesare Battisti, o terrorista italiano foi preso. Encontrado em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, uma equipe da Interpol o capturou na rua e o levou para uma delegacia. Segundo o jornal Corriere della Sera, ele usava uma barba falsa e óculos escuros.

Reino Unido

Foi por pouco. Theresa May continua como premiê do Reino Unido, mas terá pela frente o desafio de salvar o Brexit. Por apenas 19 votos de diferença, o Parlamento britânico rejeitou um pedido da oposição para tirar a premiê do cargo. A chamada moção de desconfiança foi proposta pelo Partido Trabalhista, de oposição, logo após os parlamentares rejeitarem a proposta de May para a saída da União Europeia. O Brexit está marcado para 29 de março, e o governo britânico terá que correr contra o tempo para encontrar uma alternativa que agrade tanto as lideranças europeias quanto o parlamento do Reino Unido.

Estudante e estagiário no Ministério Público do Estado do Pará (MPPA). E-mail: vinicius@carajas.info.